Urbs Curitiba multa trabalhadora por se proteger do frio.



Cobradora de ônibus é multada porque usava touca de lã durante o trabalho

Uma cobradora de ônibus de Curitiba foi multada porque estava usando uma touca vermelha para se proteger do frio enquanto trabalhava em um estação-tubo da capital. Segundo regulamento da Urbanização de Curitiba S/A (Urbs), é permitido o uso de gorro para se proteger do frio desde que sejam nas cores cinza, azul escuro ou preto e sem inscrições.

Cobradora de ônibus recebeu multa
Para outra cobradora de ônibus, que não quis se identificar por medo de represálias, a categoria que tem uma salário de aproximadamente R$ 1.396 recebe várias multas abusivas. “Tirar o dinheiro de um trabalhador, que trabalha para colocar seu pão, seu alimento dentro da sua casa, pros seus filhos. A gente tenta fazer o melhor pra aí ser multada. Eu não concordo. Eu acho isso uma desumanidade”, declarou inconformada ao contar que os valores vão até R$ 930.

Segundo Dario Pereira, do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Sindimoc), eles tentarão negociar a multa. “Vamos convocar a operadora para que compareça ao nosso setor de multa para a gente recorrer a esse valor. A multa é muito pesada, em valores fica muito pesado para o cobrador. Então a gente vai tentar tornar a multa uma orientação”, declarou. FONTE RICMAIS


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Porteiro registra queixa contra Najila.